Skip to content

Solidão Profética

2 de fevereiro de 2010

Por Ariovaldo Jr.

Profetas tendem a serem pessoas solitárias. Simplesmente por que não é fácil compartilhar visões com aqueles que procuram razões onde elas não existem. Como se todo visionário tivesse um plano detalhado de como trazer à realidade tudo aquilo que sonhou.

Em um mundo de incertezas, o profeta é dominado pela convicção. No meio à miopia generalizada, discerne o que apenas para si é óbvio. Uma pena que discernir é uma coisa… explicar a outros é outra completamente diferente.

Um aspecto importante dos profetas é que possuem a tendência a machucarem pessoas. Seja por intermédio de suas palavras ou da tendência quase suicida comum a todos eles. Dar a vida por algo que ninguém compreende é coisa de gente obstinada. Nem mesmo o próprio Cristo, o auge histórico da misericórdia na humanidade, foi capaz de poupar sua própria família. Sua mãe e irmãos tiveram que padecer o mesmo que todos os demais meros mortais em qualquer favela brasileira. Tiveram que suportar a dura realidade de perder um filho/irmão para a violência gratuíta. Portanto, faça as contas. Pra ser uma voz profética, terá que entristecer aqueles que ama.

Sempre houve uma categoria safada, composta por aqueles que adoram serem chamados de profetas. Mas a palavra que representa melhor a estes é “pilantras”. Dizem palavras genéricas e direcionadas aos ouvidos daqueles que as procuram. São como cacos de vidro enroladas em carne fresca, jogadas aos cães para que morram logo.

O apóstolo Paulo diz que bom seria que todos profetizássemos. Será que ele tomou demais do remédio que indicou a Timóteo para curar seus problemas estomacais ou simplesmente acreditava que amar é morrer e às vezes machucar pessoas, se necessário.

Se pretende escolher o caminho dos profetas para si, faça as contas antes. Por que alguns caminhos não tem volta.

Fonte: Ariovaldo Jr.

Anúncios
3 Comentários
  1. Ronaldo permalink
    4 de março de 2010 23:00

    Ficou ótimo o site e o texto é excelente.
    Um abraço
    Ronaldo

  2. 19 de janeiro de 2011 7:03

    Gostei do texto… muito tempo que não lia algo que não puxasse para as visões atuais de como agem os profetas. Enfim. Abraço

  3. 23 de março de 2011 11:57

    Querido irmão, sou adventista do sétimo dia. Somos conhecidos como um povo que estuda muito a Bíblia. Porém, tanto em nossa igreja, quanto em outras, vemos que a grande marioria dos líderes agem como a igreja profética de Laodicéia. Comportam-se como estando abastados, não necessitando de instrução ou repreensão. Se firmam em suas teologias humanas, em sua formação acadêmica, mais do que na humildade e renúncia de Cristo. Pregam sermões repetitivos, que dizem o que já se sabe: que Deus é amor, misericórdia, perdão. Mas onde estão os sermões que vão ao encontro de nossas necessidades mais urgentes, como o ego inchado, como reforma na conduta, seleção das amizades e ambientes que frequentamos? Onde estão os sermões práticos, aqueles onde os líderes vão “in loco” conhecer e instruir o casal que passa dificuldades matrimoniais? Ou o irmão que não consegue vencer a timidez para pregar? Ou aquele irmão que é fofoqueiro? Nada disso acontece, porque teme-se o êxodo de fiéis. Que mal haveria em pregar a verdade, e somente a verdade, mesmo que isso custasse o êxodo daqueles que nunca se firmaram na verdade? Os infiéis se escandalizam com o escândalo, mas os fiéis são fortalecidos por ele, pois sentem ainda mais necessidade de trabalhar, e têm sua fé fortalecidada, pois sabem que todas essas coisas são cumprimento de profecias. Consequentemente, as pessoas que procedem corretamente, chamando o pecado pelo nome, disciplinando o pecado e perdoando o pecador, unindo misericórdia e justiça, são chamados encrenqueiros, fanáticos, perfeccionistas. Deus precisa ter muita misericórdia de nós! E todos aqueles que pensam como “assim diz o Senhor” em Sua Palavra, precisam unir-se para combater as doutrinas provenientes de justiça humana que emanam desses falsos líderes, que na verdade são os lobos devoradores que surgem no meio do povo de Deus. Um abraço e que Deus seja louvado por sua iniciativa. Qualquer dia desses, visite meu blog também: http://destruindoparadigmas.blogspot.com/.

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: