Skip to content

Judeus Religiosos Ganham Força no Exército de Israel

10 de setembro de 2009

Exército Israelense

O Exército israelense está mudando. As unidades de combate que um dia se orgulharam de serem seculares estão agora povoadas por opiniões de que as guerras de Israel são guerras de Deus. Rabinos estão se tornando cada vez mais poderosos, e cadetes religiosos são treinados para se tornar parte da elite militar.

http://widgets.vodpod.com/w/video_embed/Groupvideo.3392548

Durante as operações em Gaza, no início do ano, rabinos entregaram centenas de panfletos para soldados. Alguns desses panfletos retratavam civis palestinos, não só militantes, como inimigos.Outros chamavam os soldados israelenses de filhos da luz, e os palestinos de filhos das trevas. O Exército israelense tenta se distanciar desse tipo de mensagem, mas os panfletos vêm com selo oficial.

Muitos cadetes religiosos vivem em assentamentos na Cisjordânia ocupada. Se as negociações de paz na região avançarem, Israel eventualmente terá que retirar a maioria dos colonos. Se isso acontecer, há dúvidas se soldados religiosos respeitarão as ordens de seus comandantes, indo contra suas crenças.

Mas líderes militares discordam dessa visão. O general Eli Shermeister, coordenador de educação do Exército israelense, diz que o código moral do Exército é claro e que a organização exige que os soldados se comportem de acordo com essas regras. Ninguém, segundo ele, pode criar outro código moral e apenas os comandantes controlam o espírito de seus soldados.

O dia a dia dos soldados israelenses consiste principalmente de patrulhar áreas civis em Gaza, na Cisjordânia e também em Jerusalém Oriental.Qualquer influencia sobre as atitudes dos militares é de extrema importância. A forma como encaram os palestinos que vivem nessas áreas, e quem influencia essas visões, pode determinar o uso que fazem de seu poder e de suas armas.

Fonte: BBC Brasil

Anúncios
5 Comentários
  1. Evelin Olívia Fróes permalink
    13 de setembro de 2009 15:18

    Essa é uma notícia profética! Hoje descobri porque você é um ex – batista. Pela primeira vez assisti a uma aula inteira da escola dominical na Igreja Batista: eles crêem no Arrebatamento Pré – Tribulacionista, na Teologia da Substituição (porque os Judeus não aceitaram a Jesus eles não têm o Espírito Santo, portanto Deus os abandonou) e que – pasme! – o Estado de Israel está sendo dirigido pelo Espírito do Anticristo! Eu fiquei chocada e perguntei ao Pastor a respeito do cumprimento futuro do Salmo profético 83, como poderia várias nações dirigidas pelo Anticristo (Israel versus a Confederação de países árabes e muçulmanos) guerrearem entre si? Cadê a batalha espiritual entre Bem versus Mal? Luz versus Trevas? Deus versus Lúcifer? O Salmo 83 não diz que é Deus que vai dar vitória a Israel contra seus inimigos? Onde está, então, o espírito de Anticristo? Eu senti cheiro de antisemitismo na Igreja Batista, pelo visto eles não conhecem a história da Corrie Ten Boom… e nem dos vários judeus que tiveram experiências sobrenaturais com Jesus Cristo durante a Segunda Guerra Mundial… E até hoje vário judeus ao redor do mundo e em Israel conhecem Yeshua Hamashiach… Fiquei muito triste… pude confirmar a relação íntima que existe entre Teologia da Substituição, Arrebatamento Pré – Tribulação e Antissemitismo. Eles culparam os próprios judeus pelo Holocausto, mas eu penso que a “Igreja Cristã” tem muitíssima responsabilidade pelos genocídios e tentativas de genocídio contra os Judeus durante toda a sua história. E não é à toa que o Anticristo vai utilizar e manipular a “Igreja Cristã” para perseguir e tentar a Solução Final mais uma vez contra os Judeus. Isso é mesmo muito triste.

  2. Hugo permalink*
    13 de setembro de 2009 15:55

    … pude confirmar a relação íntima que existe entre Teologia da Substituição, Arrebatamento Pré – Tribulação e Antissemitismo.

    Exatamente.

  3. Ronny Calling permalink
    27 de agosto de 2010 10:41

    Estados Unidos e Israel são povos como pai e filho, um com 5,7 e outro com 5,2 milhões de sionistas.
    Ambos os países não sabem viver sem guerras. Basta ver seus budgets militares e a quantidade de soldados na ativa. Os USA tem 832 bases militares espalhadas pelo mundo, sendo as maiores as de Israel, Okinawa e Ramstad.
    Porque os judeus não praticam o amor e a paz que o Torah ensina?
    Porque os judeus não aceitam o Novo Testamento Bíblico?
    Todos os judeus são povo de Deus?
    Jesus falou que como os judeus não o aceitavam, iria buscar um novo povo –
    Serão os judeus salvos?
    Porque os judeus odeiam todas as religiões do mundo?
    Porque Israel é o país mais odiado do mundo? Estados Unidos são o primeiro.
    Os USA são um império militar espansionista que está em franco declínio.
    O que será de Israel se não tiver mais os trilhões de dólares que vem anualmente de seu pai rico?
    Israel atacará o Iran? Ou primeiro atacará seus 8 países vizinhos?
    Essas são perguntas que muitos habitantes do planeta terra gostariam de ter respostas.

  4. Marco Antonio permalink
    10 de abril de 2011 13:28

    A maioria do povo evangélico carrega consigo marcas profundas de antissemitismo herdado da igreja romana.Basta analisar a teologia da substituição e outros absurdos que dizem contra o povo de Deus,Israel.
    Será que ninguém percebe que,assim como a igreja de Cristo,Israel sofre ataques malignos justamente porque o Anticristo se levanta contra tudo que é de Deus?
    Agora,quanto ao não aceitar a Cristo,(embora haja aqueles que o fizeram, os chamados judeus messiânicos)é parte do plano de Deus,(que cegou o entendimento deles para que nós alcançássemos a salvação)para que nós os “jambuseiros” pudéssemos ser ligados na videira verdadeira que é Cristo.
    Qualquer dúvida basta ler com atenção o capítulo 11 da carta do Apóstolo Paulo aos Romanos que é explicado pormenorizadamente os personagens a saber: Cristo,a Videira verdadeira;Os ramos naturais cortados que são todos os judeus que não aceita a Jesús,mas que poderoso é Deus para enxertá-lo novamente;Os ramos naturais que estão ligados na videira por terem aceitado á Cristo,que são os judeus messiânicos e por fim,nós os jambuseiros que,contrário à natureza,fomos enxertados na boa oliveira que é Cristo.Ora,segundo o apóstolo Paulo,devemos ter cuidado pois se Deus não poupou os ramos naturais cortando-os que será de nós,que nem naturais somos,se não reconhecermos que fomos enxertados “de favor”??
    Meditemos pois, e reconheçamos que a salvação veio primeiro ao judeu depois veio até nós por Cristo Jesús.Primeiro a igreja será arrebatada após o que os judeus serão tratados por Deus quando,finalmente reconhecerão áquele que eles mesmos traspassaram,Jesús o Rei dos Reis e Senhor dos Senhores!!!!

  5. Aradin Clementino de Albuquerque permalink
    25 de outubro de 2011 11:54

    Ao mundo,shalom.

    Quando um povo olha outro como inimigo só por pertencer a outro grupo étnico e/ou religioso se corre o risco de cometer erros passados que tanto horror leveu sobre os hebreus.
    Rebeldia concorreram para queda do templo não ter aprendido e/ou apreendido seria como dizer que é devoto,estudioso da Torá,porem é incapaz de ver no diferente a presença do Divino Nome.
    Nunca devemos projetar nossas dificuldades em ninguém assumí-las como nossas é para mim o início de crescimento espiritual e libertação daquilo que nos amarra as bestas dentro de cada um.

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: